Ir para conteúdo principal
conteúdo do menu
Conteúdo Principal
27/06/2022 Secretaria Municipal da Saúde

Prefeitura de Garibaldi adere ao Projeto Solidare - Farmácia Solidária

COMPARTILHAR NOTÍCIA

A Prefeitura de Garibaldi passa a aderir ao Projeto Solidare - Farmácia Solidária a partir desta segunda-feira (27). O projeto, criado pela Deputada Estadual Fran Somensi e trazido para Garibaldi por iniciativa do Verador Leandro Delazeri, tem a finalidade de arrecadar medicamentos doados pela comunidade em geral e distribui-los para as pessoas que necessitam.

Pelo projeto, cabe à Secretaria Municipal de Saúde planejar, desenvolver e organizar as normas de coleta, triagem e dispensação dos medicamentos para a população, bem como gerenciar o Programa Solidare - Farmácia Solidária.

Depois de uma triagem feita pelos farmacêuticos, o material é realocado para doação a quem mais precisa, sempre mediante receita médica.

A secretária de Saúde, Clarisse Lagunaz, falou sobre a importância da iniciativa, tanto para a saúde da população como para o meio ambiente. “É tão comum termos remédios em casa que acabam vencendo e não sabemos onde descartar. Além disso, sempre há aqueles medicamentos que são comprados e não usados na sua totalidade, podendo auxiliar assim uma pessoa que precisa”, esclareceu.

Os medicamentos deverão estar em bom estado, devidamente lacrados e identificados (lote e data de vencimento) e poderão ser doados nos pontas de coleta que estarão disponíveis em todos os postos de saúde do Município e na Prefeitura.

 

Benefícios do projeto:

- Doação de medicamentos para população, mediante receita médica;

- Conscientizar a população sobre os cuidados de armazenamento dos medicamentos;

- Ajudar a evitar automedicação e intoxicações medicamentosas;

- Promover o uso racional de medicamentos;

- Informar os perigos do descarte de medicamentos no lixo doméstico;

- Evitar a contaminação do solo e da água, preservando o meio ambiente;

- Gerar economia para as pessoas e para os cofres públicos, reduzindo o número de judicializações.

 

Fotos: Bruno Milan - Prefeitura de Garibaldi

Conteúdo Rodapé