Ir para conteúdo principal
conteúdo do menu
Conteúdo Principal
11/04/2024 Secretaria Municipal da Saúde

Em três semanas Garibaldi ultrapassa 25% do público-alvo vacinado contra a influenza

Dia D de Vacinação contra a Gripe acontece neste sábado, para reforçar a saúde preventiva da comunidade

COMPARTILHAR NOTÍCIA

O Município de Garibaldi segue realizando a campanha de vacinação contra a influenza (gripe). Em três semanas, desde que iniciaram as aplicações, mais de 25% do público-alvo desta primeira fase já foi imunizado. Para reforçar a prevenção nessa parte da comunidade, a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) realizará o Dia D de vacinação neste sábado (13).

Segundo dados da secretaria, 3.241 doses haviam sido aplicadas na população garibaldense até a manhã desta quinta-feira (11). Considerando as 13.822 pessoas que integram o público prioritário, 25,50% delas já estão mais protegidas contra o vírus da gripe.

Dia D

Pensando em desenvolver ainda mais a saúde preventiva de Garibaldi, a SMS realizará, no dia 13 de abril, o Dia D de vacinação contra a gripe. A ação se estenderá por sete postos da cidade, a partir das 8h. A fase atual da campanha nacional está cobrindo a imunização no grupo prioritário.

Atendimento Dia D de Vacinação:

Das 8h às 16h:

- Todo público prioritário, de todas idades

Posto Fenachamp

Posto Santa Terezinha

Posto Chácaras

Posto São Francisco

 

- Público prioritário abaixo de seis anos

Posto de Saúde Central

 

- Público prioritário acima de seis anos

Centro de Vacinação

Endereço: Rua Agostinho Mazini, 141, Centro

Telefone: 3462-8152

 

Das 8h às 12h:

- Público prioritário acima de seis anos

Posto Tamandaré

 

Podem se vacinar no sábado:

  • Trabalhadores da saúde pública e privada (apresentar comprovação);

  • Gestantes e puérperas até 45 dias pós-parto;

  • Idosos a partir dos 60 anos;

  • Crianças de seis meses a menores de seis anos de idade (5 anos, 11 meses e 29 dias);

  • Professores do ensino básico e superior (apresentar comprovação);

  • Pessoas em situação de rua;

  • Profissionais das forças de segurança e salvamento (apresentar comprovação);

  • Pessoas com doenças crônicas (apresentar comprovação);

  • Pessoas com deficiência permanente;

  • Caminhoneiros (apresentar comprovação);

  • Trabalhadores do transporte coletivo e ferroviário (apresentar comprovação).

Conteúdo Rodapé