Prefeitura Municipal de Garibaldi

Município de Garibaldi
inicial / informações / notícias

Notícias

14/03/2018

Personalidades femininas são homenageadas no Mês da Mulher


Personalidades femininas são homenageadas no Mês da Mulher

Integrando a programação do Mês da Mulher em Garibaldi, o Lions Clube realizou na noite desta segunda-feira, dia 12 de março, no Restaurante Marisa, o 9º jantar em homenagem às personalidades femininas. Na ocasião foram homenageadas Flávia Nicolau Lorenzi, Naides Brugalli Maffei e Nilza Merico Bongiorno.

Estiveram prestigiando o evento, o prefeito Antonio Cettolin, presidente da Câmara de Vereadores Moisés Nekel, lideranças da comunidade, associados do Lions e LEO Clube, além de familiares e amigos das homenageadas.

Iniciando o protocolo, o Frei Aldo Colombo abençoou o encontro e transmitiu uma mensagem de fé e esperança. Em seguida, o cantor Eduardo Caumo homenageou os presentes através de seu talento musical. Após iniciaram as homenagens.

A escolha das personalidades ocorreu após o Lions e LEO Clube receberem indicações das próprias comunidades. Em reunião, as duas entidades elegeram uma homenageada de cada comunidade ou entidade, conforme a quantidade de votos nos nomes.

Na noite, cada homenageada teve seu histórico lido e recebeu flores e um certificado de apreciação, além de homagens das comunidades e entidade.

Em seu pronunciamento, o prefeito Antonio Cettolin, destacou as qualidades de cada uma das personalidades homenageadas e falou da importância das mulheres no desenvolvimento do município. “Cada uma de vocês, é merecedora deste reconhecimento, além do seu trabalho diário, vocês fazem algo a mais, isso as tornam ainda mais especial e importantes à Garibaldi” finalizou Cettolin.

Sobre as homenageadas:

FLÁVIA NICOLÁO LORENZI
Nasceu em 06 de abril de 1945, no Distrito de Boa Vista, que pertencia a Garibaldi, hoje município de Boa Vista do Sul. Filha de Waldemar Nicoláo e Amábile Prâmio Nicoláo, primogênita de seis irmãos. Mudou-se para Garibaldi com sua família aos oito anos de idade. Seu pai, ao abrir a loja Waldemar Nicoláo Comércio de Tecidos e Aviamentos, proporcionou à Flávia aos 14 anos, a chance de iniciar a trabalhar ao lado dele. Ela cursou o técnico em Contabilidade na Escola Santo Antônio e formou-se em 1965. Trabalhou no comércio por 32 anos junto a seus familiares. Em 22 de janeiro de 1966 casou-se com Rivaldo Lorenzi e teve três filhos: Paulo Henrique, Patrícia e Daniel. Tem quatro netos: Henrique, Luísa, Felipe e Laura. Ao passar dos anos o trabalho voluntário faz parte da sua vida e o desenvolve em diferentes campos. Na comunidade religiosa foi festeira da Festa de São Pedro e há 45 anos é zeladora da capelinha da igreja São Pedro. Na APAE, por muito tempo, foi voluntária confeccionando roupas para o teatro. Na década de 80 fez parte da LBA – Legião Brasileira de Assistência – hoje extinta. Mas o voluntariado de Flávia não se restringe somente a isso, a primeira festa do Champanhe pode contar com a sua colaboração, quando participou da comissão social por oito edições, desde a escolha das soberanas, na organização de bailes e nos cuidados dos vestidos. No Coral Santa Cecília, por 11 anos puderam contar com a participação dela nas apresentações que ocorriam pela cidade e região, e presente, muitas vezes nas missas da nossa Matriz. Há 32 anos é no FAC – Fraterno Auxílio Cristão – que atua. Nele exerceu em duas gestões a vice-presidência, sempre trabalhando em prol da entidade assistencial. Atualmente faz parte do grupo “Mãos Solidárias”, onde todos os trabalhos manuais confeccionados são postos à venda e renda revertida em benefício das crianças da entidade.

NAIDES BRUGALLI MAFFEI
Nasceu no dia 07 de setembro de 1948, em Linha Araújo e Souza, em Garibaldi, filha de Fedele Brugalli e Izela Stela Monegat. De uma família de 10 irmãos, ainda criança, foi estudar em Fazenda Souza, no Covento das Irmãs Murialdinas de São José. Em 1976 casou-se com Ibanor Maffei, tem dois filhos, Rodrigo e Grasiela e dois netos, Augusto e Pedro. Por muitos anos trabalhou no comércio, se aposentando em 1995. A partir daí começou a fazer diversos trabalhos voluntários e comunitários, entre eles, um projeto desenvolvido para ser executado com mulheres e crianças dos bairros Fenachamp e Vale Verde, que consistia transmitir ensinamentos sobre artesanato e elaboração de alimentos. Naides junto a uma equipe de mulheres coordenadas pela Irmã Iria, sem dúvida, deixaram uma marca muito importante a essas pessoas, que foi a chance de aprenderem, e acima de tudo, se desenvolverem, mostrar um caminho melhor a quem se interessasse. Naides também atuou no Clube de Mães da APAE, oferecendo sua ajuda e dando a sua contribuição. Mas na Liga de Combate ao Câncer que há muitos anos vem atuando, mais especificamente no Clube de Mães envolvida no artesanato. Mesmo sem vinculação a nenhuma entidade, eventualmente visita pessoas ostomizadas, a fim de orientá-las e ajudá-las proporcionando um pouco de alegria, conforto e superação a cada uma delas. Sem esquecer que ainda recebe doações de roupas e alimentos e podendo assim repassá-los a pessoas carentes.

NILZA MERICO BONGIORNO
Nascida em 14 de janeiro de 1970, na linha São Gabriel, Garibaldi, sendo a caçula de seis irmãos, filhos de Mario José Merico e Arcelina Ariotti Merico. Cursou da primeira à quarta série do ensino primário na escola Princesa Isabel, na comunidade de São Gabriel e a quinta série na escola Casemiro de Abreu, na linha 15 da Graciema. Não podendo continuar com os estudos pela dificuldade de locomoção até as escolas mais próximas, interrompeu seus estudos, vindo a completar o Ensino Fundamental e Médio através do Supletivo, anos depois. Desde cedo, seus pais a ensinavam a importância do serviço voluntário e da ajuda ao próximo. E, seguindo o exemplo dos mesmos, começou a participar em trabalhos voluntários na comunidade, como catequista, na liturgia e quaisquer outros serviços que se apresentassem. Em 1992, casou-se com Isair Bongiorno, e desde então, reside em São José da Costa Real. Em 1994, nasceu seu filho Felipe. Na nova comunidade, continuou participando de serviços voluntários, tais como a catequese, liturgia, ministra da Eucaristia, zeladora de capelinha, ornamentação da igreja e salão e trabalho na cozinha nos eventos comunitários, além de fazer parte da Ordem Franciscana Secular, sendo que neste, trabalho na manutenção e embelezamento da praça da Igreja. No ano de 2000, foi uma das fundadoras do Clube de Mães Lar de la Nostra Terra, onde há a realização de trabalhos visando o bem-estar e entretenimento das mulheres da comunidade, dentre os quais, a construção do Jardim Medicinal para o cultivo e identificação de plantas medicinais. No transcorrer dos anos, assumiu por várias vezes a coordenação do clube. Também participa do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, COMDIM. É integrante do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Garibaldi, onde desempenha atividades voluntárias de motivação, bem-estar e alta estima com as mulheres. Uma destas iniciativas foi o Projeto Almofadas do Coração, no qual foram confeccionadas almofadas para serem entregues à Liga Feminina de Combate ao Câncer, para então, serem destinadas a portadores de câncer de mama.

Fotos